BEM VINDO

"Deus Desconhecido"

Todos conceituam, mas poucos experimentam. O Deus Real está esquecido e banalizado pela cultura, filosofia e religião, a humanidade O desconhece. As perguntas para a insegurança humana são dadas de maneira superficial, há muita definição e pouca experiência! Ele não é o deus desta cultura ou filosofia, tampouco o Deus dos religiosos. Mas sei que Ele se manifestará novamente acima de conceitos, padrões e definições. Visões serão restauradas e existências impactadas pelo "Deus Desconhecido"

quinta-feira, 19 de março de 2009

LIVRES PARA SERVIR A CRISTO

ATcAAABraRbQob0zGSTTLcXKlgfv62QEygDGwTeRfIQHaJyaVTbYaTUL-lm7amW88sO69td1jKJcZfdXqDHuagIbEF0hAJtU9VDoycENEJ5GQojvhbtaBOesaFCc_w

Porque o que é chamado pelo Senhor, sendo servo, é liberto do Senhor; e, da mesma maneira, também o que é chamado, sendo livre, servo é de Cristo (1Co 7.22).

E, libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça. Falo como  homem, pela fraqueza da vossa carne; pois que, assim como apresentastes os vossos membros para servirem à imundícia e à maldade para a maldade, assim apresentai agora os vossos membros para servirem à justiça para a santificação (Rm 6.18-19).

Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou e não torneis a meter-vos debaixo do jugo da servidão (Gl 5.1).

Observando estes textos logo entendemos que o Senhor nos chamou para sermos propriedade Dele e a Ele servir.

Cristo se entregou na cruz para nos libertar do pecado e de uma longa lista de leis e regulamentos. Cristo veio para nos libertar, e não para nos deixar livres para fazermos o que desejarmos, pois isso nos levaria de volta à escravidão de nossos desejos egoístas. Graças a Ele agora somos livres para fazer o que antes era impossível, viver generosamente. A liberdade que vem através de Cristo (Gl 5.1) é, acima de tudo, libertação da condenação e escravidão do pecado e do domínio total de satanás.

Romanos 6

6 sabendo isto: que o nosso velho homem foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, a fim de que não sirvamos mais ao pecado.

14 Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.

Alguns confundem esta liberdade e tornam a viver a seu modo praticando seus próprios desejos agindo assim estão voltando ao pecado. "Costumo dizer que liberdade cristã não é satisfação da carne". Pois a verdadeira liberdade que Jesus conquistou por nós na cruz, é para vivermos ela no Espírito e desfrutar de inteira comunhão com o Senhor de nossas vidas, a genuína liberdade começa quando o crente se une a Cristo e recebe o Espírito Santo, observamos o que escreveu o Apostolo aos coríntios:
Ora, o Senhor é Espírito; e onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade (2Co 3.17).

Entendemos que somos livres para fazer a vontade de Deus ela tem que ser perfeita em nossas vidas, outrora andávamos segundo o curso deste mundo éramos guiados por nossos desejos e objetivos que na maioria das vezes estavam muito distantes daquilo que o Senhor tem preparado para os seus filhos fiéis, agora temos o compromisso e privilégio de servi-lo com nossas vidas e podemos também como Paulo expressar o mesmo sentimento para nós o viver é Cristo.

Romanos 6

10 Pois, quanto a ter morrido, de uma vez morreu para o pecado; mas, quanto a viver, vive para Deus.

11 Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado, mas vivos para Deus, em Cristo Jesus, nosso Senhor.

12 Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências;

13 nem tampouco apresenteis os vossos membros ao pecado por instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como vivos dentre mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça.

È triste, mas não posso deixar de denotar aqui, infelizmente alguns abusam como já ouvimos e vimos artistas que se prostituem e ainda tem a audácia de dizer que são cristãos e usam para justificar suas ações, que não são de maneira nenhuma aprovadas por Deus o termo liberdade cristã bom essa tal liberdade de que falam tais pessoas não é a mesma que encontramos nas paginas das sagradas escrituras como já observamos acima é uma falsa liberdade é o que chamo de satisfação da carne e volto a dizer e nada tem a ver com o padrão de santidade que é exigido por Deus em sua palavra. Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados (Ef 4.1);
Fomos chamados para agradar aquele que nos escolheu e nos alistou em seu exército,
Ninguém que milita se embaraça com negócio desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra. E, se alguém também milita, não é coroado se não militar legitimamente (2Tm 2.4-5).

Sirvamos ao Senhor dando sempre o melhor para glorificação de seu maravilhoso nome em nossas vidas. Que a paz de Deus que excede todo entendimento esteja em vós.

Uilson Camilo.

Um comentário:

PROFETIZANDO A PALAVRA disse...

Paz Irmão,
Deus te abençoe, achei que vc não ia postar mais.....Deixa Deus te usar, escreve ai mano.

Uilson Camilo.